Olho por olho , e o mundo ficará cego .











Mahatma Gandhi








Saber


Vi _Ver .



Saturday, November 13, 2010

Violetas



Obrigado
por todos os sonhos impossíveis ,
e pelas notas de amor que o violino não vibra
!
Obrigado por esta solidão que me esfarpa e me liberta !
Mas sobretudo obrigado pela lágrima que veio ,
inesperada , sorrir nos meus olhos
!


Cristovam Pavia

9 comments:

Andradarte said...

Tenho muitos momentos de silencio.....e adoro...
Beijo

Jorge Manuel Brasil Mesquita said...

Um sorriso no olhar de quem passa alegra a solidão do corpo que pára.
Jorge Manuel Brasil Mesquita
Lisboa, 13/11/2010

AC said...

Maria,
Obrigado por este mergulho intimista...

Beijo :)

ONG ALERTA said...

A cada lágrima que escorre a vida se renova...
Beijo Lisette.

Cecilia Gonçalves said...

Poesia é puro sentimento de perfeição, alegrias ou tristezas nos levam ao íntimo do ser.
Cada tristeza, um aprendizado.
O silêncio é o ápice de tudo.
Parabéns! Amei seu espaço, seja muito bem-vinda.
Abraços!

Lilá(s) said...

Obrigada por este momento, linda poesia!
Beijinhos

Luis Filipe Gomes said...

"Por lá foram o Mário aos 26,
O Cristovam aos 35,
O Fernando aos 47...
Proíbiste-me de chorar,
de murmurar até um soluço...porquê?
...
Sabes?
Quem cedo brinca
com a dor
nela se acoita
e rápido adormece;
de olhos molhados."

poetaeusou . . . said...

*
Obrigado,
pela escolha,
,
conchinhas violáceas,
ficam,
,
*

Fernanda said...

Adoro estas tons e estes aromas.
Caí aqui e fiquei encantada.
Alfazema e violetas...
Voltarei sempre.

Beijo