Olho por olho , e o mundo ficará cego .











Mahatma Gandhi








Saber


Vi _Ver .



Saturday, February 06, 2010

Alfazema .




Afirmas que brigámos. Que foi grave.
Que o que dissemos já não tem perdão.
Que vais deixar aí a tua chave
e vais à cave içar o teu malão.
Mas como destrinçar os nossos bens ?
Que livro? Que lembranças? Que papel ?
Os meus olhos, bem vês , és tu que os tens.
Não te devolvo - é minha! - a tua pele.
Achei ali um sonho muito velho,
não sei se o queres levar , já está no fio.
E o teu casaco roto , aquele vermelho
que eu costumo vestir quando está frio ?

E a planta que eu comprei e tu regavas ?
E o sol que dá no quarto de manhã ?
É meu o teu cachorro que eu tratava ?
É teu o meu canteiro de hortelã ?

A qual de nós pertence este destino ?
Este beijo era meu? Ou já não era ?
E o que faço das praias que não vimos?
Das marés que estão lá à nossa espera?

Dividimos ao meio as madrugadas?
E a falésia das tardes de Novembro?
E as sonatas que ouvimos de mãos dadas ?


De quem é esta briga ? _ Não me lembro _ .


Rosa Lobato Faria

8 comments:

~*Rebeca e Jota Cê*~ said...

Esse conjunto de dores que fazem a alma sentir o término de um amor é que causa o incompreendido nas horas desesperadas.

Lindo post, Maria linda do meu coração.

Beijo do tamanho do meu carinho.

Rebeca


-

Chris said...

Cores, cheiros, sentidos e sabores... o pulsar da vida.
Bom fim de semana
Chris

Lilá(s) said...

Que maravilhosa maneira de homenagear alguém! ramos de alfazema!
Bjs

Beatriz Prestes said...

Tocante e lindo.....com tudo que há em nós, nas mais inesperadas horas......
Um show!
Beijo carinhoso minha querida
Bea

BC said...

Lindo este poema da Rosinha, aliás como todos eles, uma grande poetisa, que partiu, mas ficm os registos das suas palavras.
Rica partilha
Beijo

Nilson Barcelli said...

Um poema repleto de perguntas pertinente, que termina com chave de ouro.
Quando brigamos, todos deveríamos parar e fazer essa pergunta a nós mesmos...
Excelente escolha, querida amiga.
Boa semana. Um beijo.

a magia da noite said...

há tantas partilhas que na hora da separação não sabemos o que é teu, ou não!

Beatriz Prestes said...

Minha amiga especial e querida..

Acho que realmente o comentário não entrou.
Tua presença é uma alegria especial, que traz mais encanto ao meu blog!!
Adoro tua presença com teus comentário!!!
beijo com muito carinho minha amiga querida
Bea